Do que você tem medo?

Medo de barata, de ficar sozinho, medo do escuro, medo de se decepcionar, medo do fracasso, medo de arriscar, medo da morte, medo de perder as pessoas que ama, medo de não perceberem o seu “valor”, medo das mudanças, do que exatamente você tem medo?
Uma forma fácil de olhar para dentro de si e identificar o que mais te aflinge é a observação. Perceba que se as mãos estão úmidas, os batimentos cardíacos aceleram, a sua cor muda, a voz fica tremula e as ações fogem do seu controle, pode anotar, nesse contexto existe, ainda que escondido algum tipo de medo que tenta ou muitas vezes consegue te dominar.
Todos nós seres humanos sentimos medo e a ciência comportamental explica que essa sensação é uma reação instintiva em defesa de uma ameaça eminente.
Goleman, fala muito disso e de fato, o medo é uma ferramenta poderosíssima para o autoconhecimento, ele está o tempo todo escancarando as nossas fraquezas, inclusive aquelas que escondemos de nós mesmos.
Pare de sofrer e se permita falhar! Se pergunte: o que me levou a agir assim? Por que eu tenho medo disso? Por que essa situação me paralisa? O medo pode existir, ele só não pode comandar nossas ações. Entender onde e quando eles foram gerados também ajuda bastante. O que não pode acontecer é ele te impedir de ser feliz, pense nisso!
O primeiro passo é encarar o medo de frente e ter consciência de que isso é algo que pode ser superado. O medo não escolhe pessoas para se instalar. É o nosso universo interno, nossas memórias traumáticas, que dá abertura para esses sentimentos.
Se conheça!
O assessment é uma metodologia de mapeamento comportamental que através dos 4 perfis básicos (analista, comunicador, executor e planejador) traz de forma muito clara os medos que assolam cada indivíduo, se você já teve a oportunidade de conhecer esse método, leve muito em consideração os medos que foram evidenciados e comece a controla-los no seu dia a dia, caso você ainda não conhece esse processo de autoconhecimento, procure um profissional certificado e nesse aspecto me prontifico a te acompanhar, no sentido de você descobrir o que te trava! Por que você se pega agindo da mesma forma? Qual o tipo de medo que está nas entrelinhas e você ainda não se deu conta?
Se permita!
Chega de discurso e bora colocar em prática ações assertivas que podem se transformar em oportunidades para você e para seu negócio!